Sofia-logo-v7.png

NA MÚSICA QUE MAIS NOS TOCA, TODOS OS SONS CONTAM.

Nos primeiros tempos com telemóvel, lembro-me de estar atenta a todos os instrumentos de uma música, pois todos eles me pareciam o toque do telefone. Quando me passou a "paranóia", comecei a notar que a procura do meu som permitia-me desmontar as músicas como se desfizesse um puzzle de muitas peças. Começou a ser um jogo identificar os instrumentos utilizados que deslizavam pelo meu hospitaleiro ouvido, um a um. Daí partia para os silêncios, tão suaves que quase nem nos apercebemos.

Só depois chegava às palavras, sentindo de uma forma tão mais clara toda esta subtil mas intensa harmonia entre tantos que pareciam ser tão poucos no início.

E aprendi que a vida é isto: um conjunto de histórias que criamos ou apenas vivemos, com maior ou menor protagonismo. Às vezes com alegria, outras com dor. Umas com vontade, outras por imposição. Mas no final, acabamos sempre por ser importantes para alguém.